quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Talvez só tenha me restado um trauma...

Imagine só... Viver sozinha uma vida inteira... Imagine só, ver seus amigos casando, e você, sobrando... Imagine só, ver minha filha sair de casa, e eu... Ficar só.
Tenho muitos traumas em mim. Medo de ficar sozinha, medo de engravidar novamente, medo de me apegar, medo... Medo de ser feliz.
Tenho medo da minha filha sentir falta do pai dela, tenho medo do que pode ser no futuro de nós... Será que  terei um bom emprego? Será que vou conseguir sustenta-la na boa? Será que algum dia terei alguém ao meu lado que me ame, que me suporte...? 
São tantas duvidas, tantos medos... Tem coisas que  vão ter que acontecer. Mas eu tenho muito, muito medo. Começar a trabalhar  e a estudar me assusta muito, pelo fato de começar a ficar ausente na vida da minha pequena... 
Eu queria um dia acordar e ver que todos meus traumas, todos os meus medos sumiram. Queria poder ter  a certeza de que daqui pra frente será apenas felicidades. Quero poder sorrir sempre ao ver um sorriso da minha filha. . Quero olha-la nos olhos, e dar a certeza pra ela de que  N A DA vai faltar pra ela. Quero que ela seja criada como uma princesa. Assim como eu sempre a chamo.
Minha princesa !


segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Sonhando.

Daí então eu tinha encontrado alguém. Ele era lindo. Tinha o sorriso mais encantador. Ele adorava meu jeito. Tinha um beijo de tirar o ar... Era tão cheiroso a ponto de deixar seu perfume onde estava.  Ele me confortava com seu abraço.. Tinha um olhar sincero; porém desconfiado.
Ele me conquistou, a pergunta e grande duvida é: Será que o conquistei?
Fica comigo no meu quarto, mas não aceita oque eu peço. Peço carinho, nega. Peço atenção, nega. E eu? Como fico? Mas logo após, ele me dá um beijo, e se deita junto de mim. Encosto a cabeça em seu peito, e me bate um sono... Mas aquela preguiça boa, sabe? Aquela preguiça gostosa de sentir. Tem uma cara tão desconfiada, um  jeito tão desafiador. Me envolve tão rapidamente, tão facilmente, que até chego a estranhar. Dizer que  queria ele pra mim é pouco.
Que sonho mais maluco, que vida estranha. Sem alguém pra amar, e apaixonada por alguém que só quer vadiar.
Não sei por que estou escrevendo isso aqui .. Deu vontade de falar um pouco do que estou sentindo, da confusão mais confusa e estranha que já senti.
Sensação ruim, sensação de ficar só... Muito só. A qualquer minuto parece que meu chão vai ceder...
desculpa postar essa merda. Mas fiquei sonhando acordada hoje, e deu nisso...
Bjo , da Nath .
Ps: A Sophia está meia gripada, mais está ótima !

domingo, 27 de janeiro de 2013

Antes só do que ser infeliz (?)

, Esses últimos dias, a história de namorar ou ficar sozinha mexeu muito comigo. Ás vezes o que eu mais quero é estar ao lado de alguém que me desperte uma paixão LOUCA. Uma pessoa que eu NECESSITE ao meu lado. Alguém que eu AME ! Por outro lado, eu me acostumei a ficar sozinha. Sem ninguém pra me esquentar num dia frio, sem alguém pra fazer declarações, alguém pra andar de mãos dadas.... Oque é melhor pra mim? É triste esperar por alguém que não vai chegar (...)
Ás vezes queria ter alguém que não tivesse vergonha de me assumir pros seus pais, pros amigos.. Ou até mesmo alguém que me ajudasse com a Sophia... Não é mais um ''troxa''. Só alguém que quisesse meu bem...
O meu amigo há um tempo atrás disse: "Para de pensar nessas coisas de namorar... Vai procurar um emprego, vai cuidar da sua filha..." E quer saber? Ele tem todíssima razão! Mas desde quando eu comecei a namorar eu nunca fiquei sozinha. Eu namorei por longos dois anos, logo após conheci o pai da minha filha e durante a gravidez fiquei só. E me acostumei! Eu sofri muito, mas agora simplesmente me acostumei.
É estranho o fato de eu não conseguir sentir nada mais tão forte por ninguém. Só sinto saudades. Saudades de amar e ser amada. Alguém além de mim já teve a sensação que está perdendo grandes oportunidades por motivos pequenos? É... Eu estou assim! Estou com uma proposta na minha mão, mas... Não sei se é o melhor. Não sei se é oque eu quero...
Agora é só eu & a Sophia. E vamos indo bem. Quando a carência bate, escuto uma musica, ou vou dormir bem agarradinha com minha neném... KKKK'
E quando o tempo passar? Quem vai me amar? Quem vai me escolher? Quem vai me proteger? ( Isso tudo rimou, que lindo!)


... E o melhor de tudo, é ter você ao meu lado!
Eu te amo tanto, a ponto de dar minha vida por você. Eu te amo tanto a ponto de largar o que for preciso pra estar ao seu lado.
Obrigada por me fazer crescer. Eu te amo muito neném

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Tanta coisa no coração...

Não sei se o titulo tem algo haver com a postagem, mas define muito oque estou sentindo agora. Eu e Sophia? Estamos bem. Ela parou de chorar loucamente por nada e isso me anima muito . Ela vem me mostrando a maravilha de ser mãe, de se preocupar, cuidar, amar, mimar... Ela me faz sorrir, me faz ver o verdadeiro sentido da vida. Meu quarto mais parece uma loja de brinquedos do que meu quarto.. KK. A Sophia sempre ganha vários presentinhos, vários brinquedos. Ela tá um amor. Já aprendeu a pegar nos pezinhos *-* ( Isso me encanta muito. kkkk), já sabe até brincar um pouco. Hoje nós dormimos bem juntinhas... Foi muito bom! Ela com aquele sorriso me encanta, me fascina. Várias vezes entre os sorrisos dela me saiu uma lágrima. Como eu pude trazer ao mundo algo tão perfeito assim? Como essa coisinha pequena me faz tão bem? Eu me sentia tão perdida, tão sozinha, tão mal... E minha filha trouxe uma luz tão grande pra mim, uma vontade de viver, de ser uma pessoa melhor... Ás vezes eu até imagino como seria minha vida casada com o Mr.Pai... Será que eu estaria tão feliz?
Hoje parei pra pensar nessa coisa do futuro; na história do Mr.Pai casar, de eu ser mãe adolescente e solteira, voltar aos estudos ... Ser mãe adolescente e solteira não está sendo tão fácil assim. Eu amo minha pequena, eu preciso dela, mas.. As coisas poderiam ser diferentes agora! E é tão difícil estar separada do pai dela, estudar, ter que trabalhar... São tantas responsabilidades ... A escola, falta tão pouco pra voltar. E sinceramente estou tão sem paciência ! Querendo ou não, o pessoal da escola é infantil nas brincadeiras... E eu não tenho mais paciência pra essas coisas...  E o Mr.Pai... Ah... Uma hora fica tudo bem, outra hora brigamos (por coisas bobas) ... Fico me perguntado: ATÉ QUANDO VAI SER ASSIM? Até quando vou precisar dele, da atenção dele pra minha filha, até quando vou precisar ficar brigando por horário  leite... E o casamento dele? Como vou por na minha cabeça e na cabeça da minha filha isso... Como vou encarar o fato dele ter uma outra família, com outro alguém... Como faço pra não deixar o contato dele se perder com nossa filha? Ás vezes chega a parecer que ele se importa mais com a namorada do que com nossa neném... Como lidar com uma situação dessa? Como implorar amor? Como pedir atenção? Como implorar carinho pra alguém que não entende a realidade; mas sente as coisas?
É tanta coisa gritando em mim, é tantas perguntas, tão poucas respostas... É tanta vontade de deixar esse mundo que as pessoas me julgam, me olham torto... Dá uma vontade de ir pra um lugar sozinha com minha neném, vontade de mandar todos se foderem ...



Não maltrate o coração, que dedicou, ao seu sorriso as suas batidas ♫
, Um beijo pra vocês.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

A vida passa diante dos nossos olhos...

, Não importa quantos anos você tenha. Quando você é mãe sua vida muda, sua cabeça muda, sua rotina NUNCA mais será mesma.
Antigamente a Sophia dormia a noite inteira... Agora ela resolveu voltar a acordar de madrugada novamente. Com 3 meses, os nenéns ficam mais tempo acordados e querem mais atenção... Eu tento me dividir em VÁRIAS pra conseguir dar conta de tudo! Me disseram uma vez que quando é mãe, aprendemos a dar conta de muita coisa junta. E isso é fato. Mas eu sou MUITO atrapalhada. Chega até ser engraçado, porém não deixa de ser trágico. Nesse momento eu to fazendo a postagem, e levantando pra dar uma atenção pra Sophia! Estou sentindo muita dor nos braços, nas costas (...)
Isso é normal, eu sei! Todos já passaram por isso, inclusive minha própria mãe. Quando a Sophia vai passar o final de semana com o Mr.Pai eu nem saio! Eu fico em casa deitada dormindo. É o único tempo que eu tenho para descansar mesmo, sabe Eu não tenho tempo pra cuidar de mim... Nem lembro quando foi a ultima vez que fui no cabeleiro cortar meu cabelo... Ás vezes eu até penso que meu cansaço não é físico.. É psicológico. Do nada eu começo a brigar, e a gritar com as pessoas da minha casa, pelo fato de estar exausta sabe? Exausta de fazer tudo certo e mesmo assim ser julgada... Pô, eu sou mãe! Mais ainda sou mulher. Ainda quero namorar, ainda quero conhecer lugares... Será que as pessoas também esquecem disso? Errado seria se eu largasse minha filha em qualquer lugar pra fazer algo, mas não... Eu cuido dela, e quando ela vai pra casa do Mr.pai tento fazer alguma coisa... Mas daí começam as pessoas a julgar, e acabo nem saindo.
A minha vida tá passando diante dos meus olhos, e eu simplesmente estou vendo ela passar. Não dá pra não ligar pro que os outros pensam, as pessoas comentam... E sinceramente prefiro ser comentada como: "Nossa, ela é um exemplo de mãe" ( E sou mesmo) , Do que ser comentada "Nossa, ela larga a filha pra sair" [/coisa que nunca fiz.
Não estou reclamando da vida de mãe. Eu amo minha filha. E amo passar tempo com ela. Minha vida agora é ela, é me dedicar pra ela. E nunca fugi dessa responsabilidade. Ao engravidar cedo, eu saberia que seria assim... Mas a verdade é que eu esperava mais compreensão ao invés de tantas criticas...


, Princesa linda demais... Perfeita aos olhos do Pai... Alguém igual a você não vi jamais!
Nunca deixe alguém dizer que não é querida.. Antes de você nascer; Deus sonhou com você... Você é linda demais .... ♪ ♥ 
Eu te amo muito menina que ocupa meu tempo ♥ Hahaha

sábado, 12 de janeiro de 2013

E ela não terá vergonha de mim

, Ela vai ter orgulho, de saber que uma pessoa se entregou de corpo e alma para salva-la, vai ter orgulho de ter uma mãe que assume o que faz, e que se corrige, vai ter orgulho de ter uma mãe que fala e mostra a cara, porque mãe é mãe independente de cor, tamanho IDADE,é mãe.
Sabe ... Antes de ser mãe, eu fazia e comia os alimentos ainda quentes. Eu não tinha roupas manchadas, tinha calmas conversas ao telefone. Antes de ser mãe, eu dormia o quanto eu queria, nunca me preocupava com a hora de ir para a cama. Eu não me esquecia de escovar os cabelos e os dentes. Eu não tropeçava em brinquedos e nem pensava em canções de ninar. Imunizações e vacinas então, eram coisas em que eu não pensava. Antes de ser mãe, ninguém vomitou e nem fez xixi em mim, nem me beliscou sem nenhum cuidado, com dedinhos de unhas finas. Antes de ser mãe, eu tinha controle sobre a minha mente, meus pensamentos, meu corpo e meus sentimentos. Antes de ser mãe, dormia a noite toda. Antes de ser mãe, eu nunca tive que segurar uma criança chorando, para que médicos pudessem fazer testes ou aplicar injeções. Eu nunca chorei olhando pequeninos olhos que choravam. Nunca fiquei gloriosamente feliz com uma simples risadinha. Nem fiquei sentada horas e horas olhando um bebê dormindo. Antes de ser mãe, eu nunca segurei uma criança, só por não querer afastar meu corpo do dela. Nunca imaginei que uma coisinha tão pequenina, pudesse mudar tanto a minha vida e que pudesse amar alguém tanto assim. E não sabia que eu adoraria ser mãe. Antes de ser mãe, eu não conhecia a sensação de ter meu coração fora do meu próprio corpo. Não conhecia a felicidade de alimentar um bebê faminto. Não conhecia esse laço que existe entre a mãe e a sua criança. E não imaginava que algo tão pequenino, pudesse fazer-me sentir tão importante. Antes de ser mãe, eu nunca me levantei à noite toda, cada 10 minutos, para me certificar de que tudo estava bem. Nunca pude imaginar o calor, a alegria, o amor, a dor e a satisfação de ser uma mãe. Eu não sabia que era capaz de ter sentimentos tão fortes.


 , eu te amo Shuufiiá haaha

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Precisa de legenda? ... 



.. Ontem ele veio na minha casa; e foi com essas cenas que eu me deparei... ♥

Mr.Pai . Continue presente ! 

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Um mundo que não é mais meu.

, Esse fim de semana minha pequena foi dormir na casa do Mr.Pai. E ia ter um ''rolê''. Fazia muito tempo que não ia pra festa nenhuma.. E eu resolvi ir.
Eu me senti muito mal, muito estranha. Acho que foi minha primeira e ultima festa depois da gravidez.. KKK. Fiquei muito careta; tenho vontade apenas de ficar com minha filha ,e não dar motivo pras pessoas ficarem falando...
Eu estou muito bem. Minha filha me tira um sorriso TODOS OS DIAS. O Mr.Pai vai se casar... É... CASAR. É estranho pensar assim, pois agora quando minha filha for passar o dia com ele, não vai ser apenas com a família dele.. Vai ser com a ESPOSA dele. Não sei como vou reagir com essa notícia ao passar do tempo. Até agora estou bem...
Eu não tava preparado pra te ver com outro namorado, em pensar que outro dia eu estava do seu lado ♫
, Não estou triste com a notícia.. Afinal, todos nós sabia-mos que isso iria acontecer um dia. Ele não seria solteiro eternamente, e nem eu serei... E todos vamos casar ,construir uma família (...)
O meu medo é ele ter outros filhos, e esquecer a nossa (...) Mas em fim. Não vou quebrar a cabeça com isso.. Afinal, eu também estou seguindo a minha vida ( do jeito que eu preciso seguir.)
, Só quero que tudo continue bem.. Sabe? Minha família, meus amigos...
E acho que o título não tem mais nada haver com a postagem.. Foi mal eu ter me perdido . . rs '
É que a vida é assim mesmo.. É cada coisa acontecendo do nada... Coisas que agente não espera...
, As pessoas andam falando: FOI ERRADO VOCÊ TER ENGRAVIDADO COM 16 ANOS... Mais quer saber? Me encontro num mundo bem melhor agora! Aquela vida de festas, aquela vida vazia.. Eu realmente percebi que não é pra mim. E que eu consigo ser feliz assim... Cuidando da minha neném, tendo contato com meus amigos... Agora só falta uma coisa pra minha vida ficar perfeita: UM EMPREGO. Me sentia bem mais responsavél se eu tivesse um trabalho...  E até melhor, assim poderia comprar coisas pra minha filha com meu dinheiro , e não depender sempre dos meus pais, ou do Mr.Pai ...
 .. Em fim !
me sinto extra terrestre nesse meu mundo !

Eu vivi a minha rotina na esperança de quem sabe um dia, mais o tempo foi passando é natural mudar os planos.. Se eu vou ter que conviver com essa dor ! Se é pra ser assim; que seja bem feliz longe daqui.. Não me obrigue a te ver passar com outro alguém, é melhor pra ela também.. Porque em mim, ainda existe um amor que não chegou ao fim ... ♫ ♪


eu te amo princesa ... 



... Tu sabe oque eu vou te dizer; os seus problemas agente tem que resolver.. Mais deixa pra amanha, deixa pra amanhã ...