quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Progressos ( ? )

, Fico me perguntando se deixar a Sophia com o pai dela tá certo ou não.. Esse fim de semana, ele ficou com ela. Eu aproveitei pra sair ( coisa que não faço há muito tempo) .. Não sei como foi lá. Fiquei com medo .. Não sei .
A filha é minha. Tenho ciume de quem pega ela, de quem olha pra ela.. E com todos os problemas que aconteceram, não me senti a vontade com a saída dela de casa.
, Em casa; as coisas parecem ir bem, mas não vão. Minha mãe vive jogando na minha cara que tive filho sem pai , que estou sozinha, e o pior , nem quer que eu namore. Disse que eu tenho que me dedicar a minha filha; e não tentar arrumar outro filho.. Porque agora que sou mãe , os ''caras'' só querem ficar comigo pra transar . ( ual ! --' )
. Passo meu dia inteiro aqui. Sentada no computador. Quando a Sophia acorda; vou cuidar dela. Dificilmente fico com o computador livre pra escrever como estou escrevendo agora. Fico feliz pelo fato da Sophia ter dormido aqui , e eu ter tido finalmente um tempo pro meu blog .
 , O tempo até que passou rápido  A Sophia ja vai fazer um mês. . Com meu ''ficante'' as coisas vão indo bem. Mas o problema vira ser eu mesmo. Eu não conseguir me entregar, eu não conseguir parar de sentir falta de algumas coisas...
Ver o Mr.Pai e não sentir nada é absurdamente estranho pra mim. Não sinto amor, raiva, carinho, ódio.. Nada... É como se eu olhasse um desconhecido, e não me lembrasse de todos os momentos marcantes que vivemos juntos. É como se todo aquele sentimento nunca tivesse existido... Ou talvez eu só esteja me enganando. Talvez eu só esteja evitando meus próprios sentimentos.. Sei lá .
Será que tudo isso é um progresso pra mim ? .-.

sábado, 27 de outubro de 2012

Um novo alguém ...

, Talvez seja cedo demais; talvez eu vá ser julgada.. E talvez aparecerá mais um milhão de talvez. Mas em fim. Apareceu um outro alguém. Um alguém que faz eu me sentir protegida, bonita, amada, desejada. Alguém que faz eu me sentir bem...
Talvez, ele seja o alguém que eu estava esperando aparecer. Mas o problema é que por mais que eu tente; eu não consigo me entregar. Sei lá. Eu gosto dele. E estou curtindo muito ficar com ele. Mas tenho meu pé atras; meu medo de dar errado; meu medo de sofrer denovo, de chorar. ..
Acho que ele me trata como eu merecia, ou como eu acho que mereço.. Sei lá. Ele se preocupa comigo, me liga; fala coisas que eu quero e preciso ouvir; trata bem a Sophia... Mas e o medo de quebrar a cara denovo? De sofrer, de ser traída...
Talvez isso seja normal. Mas eu não queria que fosse. Não duvido que ao lado dele serei a pessoa mais feliz (E eu estou muito feliz.) , mas tenho medo de que algo dê errado.. E que minha unica saída seja ser forte novamente , assim como eu fui com a situação do Mr .Pai , e do meu ex de 3 anos...
As vezes até acho que ele é bom demais pra mim. Até parece que não me sinto digna de merecer felicidade.. ( mesmo passando tanto tempo sofrendo ) ..
Ele é do tipo ''muleke zicka'' , que anda com roupa de marca .. Coisa que eu nunca fui fissurada; aliás; coisa que eu sou muito lezada pra entender; ou dar valor. Tem cara dos que curte funk.. E olha eu aqui nos meus pagodes melancólicos; e no meu rap modinha (projota) ..
E assim vai indo. Mas me sinto bem animada com oque o destino me reservou. Só espero não me decepcionar novamente.. E que se for pra dar certo; vai dar. E se não for, que pelo menos tudo acabe bem..


    , Danilo Lima.

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

, Quando estou ao seu lado; tudo fica bem, mesmo quando nada parece dar certo ♫





, As coisas estão indo rapido demais?

Primeiramente, queria pedir desculpas pra vocês. Minha vida anda meia corrida, e fica difícil postar algo por aqui.. Fico sempre on no face; mas nunca consigo ter um tempo pra me concentrar aqui.
Pois bem ...
A minha "relação" com o Mr.Pai tá ótima. Era quando namorava mos. Conversamos ; brincamos , zoamos um ao outro.. A diferença é que não ficamos, não temos contato físico  nem trocamos eu te amo. Porque de resto, está normal.
O motivo do titulo da publicação é que o Mr.Pai já quer começar a levar a Sophia pra casa dele (...) Eu não amamento mais; A Sophia já está na mamadeira e isso traz uma Independência pra ela de mim.
Estou com medo. A mãe dele não gosta da minha filha; e duvido que a namorada dele também vá gostar. Tenho medo de machucarem ela.. Ou .. Sei lá ... Não acho a hora dela começar a ir pra lá. Ela só tem 20 dias... Essa minha insegurança deve ser normal...
O pior é que eu não sei oque dizer. Agora ele me ajuda bastante. Compra remédio pra cólica dela.. Compra o leite ( que é muito caro) ... Mas tirar ela da minha casa pra passar umas ''horinhas'' com ele me assusta um pouco. E sei que esse dia tinha que chegar. Mas não pensei que seria tão cedo .
Oque pensar? Essa insegurança é normal? (...)
 Devo deixar ela ir pra lá? . . . .  . . . .  . . . .  . . .  . .

sábado, 20 de outubro de 2012

E sendo mãe solteira ...

Minha vida anda meia corrida. Não sei oque é dormir, não sei oque é comer. Acho que nem sei oque é me maquiar... Meus dias andam tão corridos, que até esqueço de escovar os dentes.
Tenho que me virar sozinha, afinal, é eu por mim mesma. Minha mãe me ajuda bastante, mas tem coisas que só eu posso fazer.
Complicado não ter ninguém pra dividir a hora do sono. Não tenho ninguém pra cutucar ao lado e dizer: "Vai lá, agora é sua vez" . Ninguém pra me abraçar numa noite fria... Ninguém pra me ajudar a trocar fraldas...
Acho que a ''carência'' do momento é o pior.  E logo em seguida, vem o cansaço. Complicado o Mr. pai ver ela em 30 minutos... E eu, passar o dia inteiro ( cuidando, limpando...)
Não estou reclamando do trabalho! Adoro ficar com minha filha. Ela me traz muita alegria. Mas sinto falta de uma compahia mesmo. A compahia que me ajude; e que me dê carinho, me dê amor (Coisa que eu não sinto faz tempo)... Mesmo ficando de vez em quando com meu ex ( de três anos), Não sinto mas o amor, ou o carinho dele por mim.. Ás vezes penso que ele só fica por ficar.. Sei lá.
Não sei se é a hora pra ficar com alguém, nem conhecer... Queria mesmo era já estar com alguém que conheço . Não quero ter o processo de ficar.. Conhecer.. Começar a namorar.. Não tenho paciência. Por mim eu pulava toda essa fase!
Acho que a Sophia sente falta da presença de um homem. Qualquer ''homem'' que pega ela no colo ela fica calma.. Sei la... Ás vezes é só impressão minha; por achar que ter alguém na minha vida ia mudar algumas coisas...
Complicado.. Complicado..


quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Acorda!

, Ele não vai te ligar e pedir desculpas, talvez não fale com você nem por internet. Não vai se arrepender de nada do que fez, e nem reconhecer que errou. Não vai perceber que está te perdendo aos poucos, ou que já perdeu. Não vai pedir pra que tudo volte a ser como era antes, ele está feliz assim. Não vai dizer para os amigos que sente a sua falta ou algo do tipo, e nem lembrar de você ao ouvir uma música. Ele não vai passar noites acordado pensando no quanto poderia ter dado certo, nem vai ficar imaginando planos que um dia poderiam se realizar. Não vai sentir ciúmes ao ver você conversando com outro menino, e com toda certeza do mundo, não vai passar horas no seu perfil só pra saber como foi seu dia, ou se você se interessou por alguém. Ele não vai perceber que fez a maior burrada de sua vida, nem vai se lamentar por ter perdido a pessoa que o fazia sorrir. Ele não vai compartilhar fotos de casais no facebook, e nem escrever coisas tristes no twitter. Ele não vai chorar, nem sofrer e muito menos morrer de amor. Não vai dar justificativas do por quê de tudo ter acabado, e nem vai querer saber o que você pensa sobre, e nem como você reagiu a tudo isso. Ele não vai sorrir ao te encontrar na rua, e se te ver, não vai ficar pensando o dia inteiro em como seu cabelo estava lindo, ou em como o seu sorriso é estonteante. Ele não vai correr atrás de ninguém, e provavelmente logo estará com a menina mais fácil que encontrou por aí. Ele não vai te amar, isso, se chegou a amar um dia!

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Fácil pra quem vê, difícil pra quem sente (…)

Todos sempre dizem que vão estar ao nosso lado, mas são poucos que cumprem essa promessa. Mais a verdade é que estou sentindo falta apenas de uma pessoa. E isso tá mexendo demais com minha cabeça.
 Ás vezes olho pra minha filha; e penso que ela sente falta dele. Ás vezes acho que ele seria mais feliz se nós dois estivesse-mos juntos. Mas... E eu? Estaria feliz?
Provavelmente eu estaria sendo traída. Seria aquela ''mãe troxa'' .. Que ficaria em casa cuidando da ''comida'' enquanto o marido saia pra pegar outra.
Só eu sei como fico a noite, pensando que naquela noite poderia-mos estar juntos. Que uma noite eu poderia revesar com você pra trocar fralda, ou dar de mamar. Que quando ela tivesse com cólica; seu colo quente faria passar. Tudo seria mais fácil se nós dois estivesse-mos juntos. E oque houve com nós?
Nós não existimos mais. Nosso pra sempre foi palavras ao vento. Aliás. O seu pra sempre. O meu ainda tá aqui, guardadinho.
Queria dormir todos os dias ao seu lado; e acordar vendo seu sorriso, sentindo seu abraço. Aquele abraço que você me dava ...
Eu não entendo que tipo de sentimento é esse. E acho que sempre estou confusa.



Até bem pouco tempo atrás 
Poderíamos mudar o mundo 
Quem roubou nossa coragem? 
Tudo é dor 
E toda dor vem do desejo 
De não sentirmos dor.  ♫

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Mil sentimentos, mil sensações.

, Eu me sinto bem. Mas me sinto mal. Eu sinto saudades. Mas tenho orgulho. Eu choro, mas depois sorrio. Eu quero um abraço, mas não procuro alguém pra me abraçar. Eu tenho sonhos; mas não luto pra realiza-los...
Eu me apaixonei uma única vez. Me enganei duas. E me iludo através de lembranças do passado.
, Tudo certo. Uma hora as coisas mudam .
Só queria sentir uma coisa unica. Porque mil sentimentos.. E mil sensações tomam conta de mim nesses dias.


domingo, 14 de outubro de 2012

, Satisfeita!

Eu posso sentir falta de um milhão de coisas. Mas tudo se compensa com apenas uma. Estou com saudades dos rolês, do narguile.. Estou com saudades das roupas apertadas, saudades de alguns amigos, saudades dos amores que passaram na minha vida...
 Acho que sinto falta de ser simplesmente adolescente. Tudo que eu fizer de ''normal'' como todos, vai ser mal visto. Dançar, beber.. Etc, etc. .
Mas tem um sorrisinho que me faz sorrir todos os dias. Tem uma pessoinha que eu abraço todos os dias, beijo, mordo ...
Tem alguém que tem meus olhos; e a mesma corrente sanguínea... Tem alguém que me deixa SATISFEITA..
Acho que sinto falta de alguém perto de mim. Alguém pra me ajudar, pra mimar ela junto comigo. Sinto falta de alguém pra me abraçar no frio, ou fazer uma massagem onde sinto dor! Mas eu me sinto satisfeita. Satisfeita por ter um ser tão maravilhoso ao meu lado. Um anjo que eu posso proteger. Acho que agora eu sou mais eu! Eu me reencontrei com meus sentimentos. E com sentimentos bons!
Quem diria que uma criança mudaria tanto minha vida...




sábado, 13 de outubro de 2012

Sensações estranhas.

, Eu já sabia que ser mãe iria me afetar de alguma forma. De algum jeito, eu mudaria. E eu mudei. Me sinto mais madura, não sei explicar .
Mas posso dizer pra vocês; o amor que eu sinto pela minha filha é muito forte, muito intenso... E é justamente esse amor que me faz mudar


Sophia Moura de Lima

Agora ele é pai.

, É isso ai. Agora ele é pai. Agora ele ama ela. Agora os olhos dele enchem de lágrima ao vê-la. Agora ele quer ver ela todos os dias. Agora ele tira fotos... Agora ele ''banca as despesas'' .
Agora ele manda mensagem perguntando com nós estamos. Agora ele traz presentinhos. Agora, ele sentiu algo...
Mais foi só AGORA. E eu me pergunto: Antes tarde do que nunca? (...)
Eu ví ele. Ficamos umas duas horas no mesmo quarto sozinhos brincando com nossa filha. A todo momento, eu olhava a mão dele, com aquela aliança grande. Vejo ele pegando ela no colo, beijando, abraçando... No momento, estava-mos nós dois brincando com ela , tentando fazer ela sorrir, tentando fazer ela parar de chorar... Um deu mamadeira, o outro, pôs pra arrotar. Os dois tentando fazer ela parar de chorar por conta da cólica. Os dois sorrindo com um sorriso dela. Os dois a beijando quando está tranquila...
Por um momento, vivi oque eu queria viver todos os dias. Ele ao meu lado, cuidando, conversando... E alí. Mas oque mais doeu, era toda vez olhar pro maldito dedo dele, e lembrar que ele não me pertencia. Lembrar que oque era nosso , se perdeu. Que tudo virou lembrança... Só lembranças...
Dói pensar, que ele negou tanto a paternidade, e hoje; é o PAPAIZINHO ... É o que se importa, oque liga.. Oque manda mensagem... Oque passa na minha casa antes do trabalho...
, Eu sinto o seu cheiro quando passamos ela um pro colo do outro (...)
Depois de toda humilhação, depois de toda tristeza que ele me fez passar, ainda imagino como seria bom se nossa filha crescesse ao nosso lado. Mas aí, novamente olho seu dedo. E vejo que você não me pertence. E oque mais dói... É saber que não pertencerá nunca mais ...


Sei que não devia postar uma foto do Mr.Pai aqui. Mas sinceramente essa foto me toca cada vez que eu a olho ... 
, Espero que você continue sendo pai...

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

O GRANDE DIA CHEGOU!

... Desculpem a demora em postar algo aqui; É que meu ''tempo'' não está me ajudando muito. Há tempos queria fazer essa postagem; E finalmente; o dia chegou!
Dia O4.1O.2O12 - Fui ao hospital ( data da minha ultima postagem.) . Chegando lá, eles iam induzir meu parto. Através do exame de toque descobriram que a Sophia tinha feito cocõ na minha barriga... E que eu, iria fazer uma cesária urgente.
Eu CONGELEI! Comecei a chorar muito assustada.. Afinal, estava esperando por um parto normal. Me prepararam, tomei uns soros, colocaram sonda, tiraram sangue... A grande hora ia chegar.
Me deram aquela anestesia que todos diziam ser ''horrivél'' . Vou falar a verdade; não senti tanta dor nessa anestesia não ... Todos sempre falaram tão mal dela... Eu não senti tanta dor.
Me deitaram.. E simplesmente não senti mais nada no meu corpo... Fiquei com medo de sentir o ''rasgo''; mas não senti. Só sei que quando menos esperei ouvi um chorinho... Eu nem aguentei! Aliás, nem ACREDITEI que ela havia nascido ! ( eu nem percebi que estavam tirando ela de mim) .
Daí então ... A enfermeira me mostrou ela... Acho que foi a imagem mais linda que eu já vi na minha vida.. Ela toda inchadinha, toda suja... Toda linda...
Queria muito descrever a minha emoção. Queria descrever a minha felicidade. Mas não consigo.
Logo após o nascimento , o Mr. Pai foi vê-la ... A mão dele tremia; os olhos dele estavam cheios de lágrimas...
Eu tenho muita coisa pra contar aqui referente a ele. Mas meu tempo está tão curtinho nesse momento .. rs'
Mas vou dar uma TRADUZIDA. Acredita que o safado no dia do nascimento da NOSSA filha; levou a VADIA da namorada dele pro hospital? --'
Ele me pediu desculpas, falou que ela que quis vir... MAIS É UMA VACA MESMO! Foi fazer oque no hospital? --'  kkk .
Mas em fim. Estou muito feliz com minha filha. Tudo tá certo. ( Não tem clima nenhum com o Mr.Pai . Nós nem conseguimos olhar na cara um do outro).
E preciso dizer uma coisa.. DEUS É MARAVILHOSO! O povo falou tanto que eu não sabia quem era o pai da minha filha , que eu tava ''inventado'' ... Que a menina nasceu IGUALZINHA a ele. Tem o cabelo, o nariz, a boca, o queixo.. TUDO DELE ! .-.
Amanhã vou entrar aqui com mais tempo , e contar TUDO que houve !
To deixando uma breve coisa do que houve !
Amovocês, se cuidem !

AGORA EU SOU OFICIALMENTE MAMÃE ! ♥



quinta-feira, 4 de outubro de 2012

A Ansiedade toma conta de mim.

Fui ao médico. E ele disse que nessa quinta-feira vão induzir meu parto. Eu quero muito ver o rosto da minha pequena, quero muito beijar ela, morder, abraçar... Mas, onde posso enfiar o meu medo?
Estou com medo da dor. ( E de fato, sei que vai doer). Eu sempre evitei dor, e hoje me vejo sem saída. Ou sinto dor, ou sinto dor! Sei que tudo vai valer a pena, depois que eu ver o rostinho da neném e blablablá. Mas estou com medo. E não sei exatamente como mostra-lo .
Não quero assustar minha mãe, coitada! E sei que pra ela vai ser muito doloroso me ver sentir dor. O fato é que eu só tenho um dedo e meio de dilatação. E meu colo do útero está muito distante. Então vou ter que induzir o parto mesmo.
Estou insegura, ansiosa . . . Quero muito que tudo dê certo (E sei que vai, afinal a saúde da Sophia está ótima). Mas to com medo da dor... De todo o processo LENTO que é uma indução de parto.
Mas se demorar mais; é capaz de dar problemas pra Sophia. Então... Que tudo seja feito da maneira que tem que ser feita.
Já falei com o Mr.Pai.. E ele disse que quando eu confirmar minha internação; ele vai pro hospital. Minha tia, minha prima e ele querem assistir o parto... A verdade é que pra mim tanto faz... Quem entrar primeiro na sala fica. KKKKKKKKKKKKK.
Ás vezes até queria que o Mr. Pai visse o parto; pra ver mais um pouquinho do meu sofrimento.. Ou pra ele ver o quanto eu já sofri ,e o quanto eu vou sofrer mais.. Ah sei lá.
Espero que tudo fique bem.

A SOPHIA ESTÁ CHEGANDO <33'

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

A felicidade está próxima ♥

Minha felicidade tem um nome. Vai ter uns 40 centímetros, vai chorar, fazer cocô na roupa.. & vai fazer eu me sentir a MULHER mais feliz & realizada do mundo .

Sophia Moura de Lima !


terça-feira, 2 de outubro de 2012

Mesmo separada eu seria incapaz de te esquecer

, Eu passei um tempo muito mal por conta do mr. pai . De fato, eu achava que o certo/melhor era ficar ao lado dele. Mas percebi que não... Sabe porque ?
Há 3 anos atrás; eu conheci alguém . Meu primeiro namorado, meu primeiro amor .. etc.. Nós nos separamos DEFINITIVAMENTE ano passado ( e um tempo depois comecei a namorar com o mr pai!)
, Eu nunca me afastei desse meu ''primeiro amor''. E até acho que isso nunca vai acontecer. Ele sempre se manteve presente na minha vida; inclusive, presente na minha gravidez.
De fato, queria MUITO que a Sophia fosse filha dele! E teria certeza, que se eu tivesse engravidado dele, ele teria ficado ao meu lado ...
O mr.pai , inclusive não queria registrar a Sophia por conta do meu contato com esse meu ex. E blablablá. Ele sempre foi um amigo, um anjo na minha vida... E eu sempre tentei esconder meu sentimento por ele.
Eu fiz de tudo pra me manter afastada, e acho que até forcei tanto sentir algo pelo mr. pai... E me dá saudade as vezes, pela Sophia mesmo... Porque ela vai crescer com pais separados etals ...
Esse meu ex, atualmente está namorando. (E o mr. pai também) , mas ele nunca me deixou só, de alguma forma, ele sempre está perto de mim ..
Ver ele me fez muito bem, e sempre faz. Espero sinceramente nunca perder esse contato. Não sei se ainda vamos ficar juntos... Afinal ; erramos muito com o outro no passado... Mas a verdade é que só consigo imaginar algo lá distante, no futuro com ele...
, Mas tudo tem seu tempo... E na contagem certa; faltam 3 dias pra minha linda filha nascer... Estou insegura & muito feliz.
 , Hoje estou me sentindo feliz. E espero que esse sentimento de ''paz'' dure.